terça-feira, 8 de dezembro de 2015

Amigo Secreto/Oculto



“Amigo secreto, Amigo Oculto, amigo X, ou também amigo invisível é uma brincadeira tradicional das festas de fim de ano (Natal e Ano-Novo). É comum entre colegas de trabalho, de escolas, e de familiares. Acredita-se que a brincadeira venha dos povos nórdicos. Amigo secreto - Um ritual nórdico.”
Fonte: Wikipédia

Acredito que a mal fadada brincadeira, além de uma coisa sem graça, é apenas mais uma forma de avaliação, seja por seu chefe ou mesmo por seus familiares, pode ter a certeza que alguém estará avaliando-o. Calculo que não é nenhuma novidade para você leitor, dizer que eu corro do famigerado evento como o Diabo corre da Cruz. Importante lembrar que, o uso indiscriminado de adjetivos pejorativos durante a entrega de presentes, poderá culminar em motim e briga generalizada.

Como realizar o evento:
O nome daqueles que participarão é escrita em um pedaço de papel e na seqüência sorteados um a um. Cada pessoa tem que presentear o nome por ele sorteado e a graça (se é que existe) é que ninguém saiba quem você irá presentear.
Geralmente é estipulado um valor máximo para o presente, a fim de se conseguir uma certa igualdade no quesito. Na momento da entrega a pessoa cita (supostas) qualidades de quem ele irá presentear, afim de que os demais consigam adivinhar que é o "sortudo" (obviamente é permitido mentir, dissimular etc. O que vale a pena é o "teatro".)

Algumas dicas para você não queimar o filme novamente:

O presente que você vai ganhar será sempre inferior ao presente que você vai dar:
Não importa o que você comprou, o seu presente sempre será inferior, o motivo pode ser atribuído a Lei de Murphy, por exemplo. Não importa, faça cara de paisagem e finja que gostou da bugiganga que ganhou e ainda diga que ela será muito útil. Minta!

Sempre alguém que você não gosta tira você no sorteio:
Especialistas dizem que você deve estar no clima da confraternização, portanto é importante não deixar transparecer sua insatisfação para com a pessoa, mesmo que você tenha o desejo de matá-la. Sendo assim, sorria! E deixe a vingança para depois...

Se a mulher que você tirou é feia:
Na hora de entregar o presente e citar as supostas qualidades da pessoa, cuidado com adjetivos pejorativos, além do mais não é nenhum pouco elegante dizer que a mulher é feia. O que você pode fazer, por uma questão de educação é dizer que a donzela (mulheres feias mantém o cabaço por mais tempo) é muito peculiar e possui uma beleza exótica. E sim, você terá que posar para a foto, abraçadinho. Tá no inferno, abrace o Capeta, jovem...

Se a pessoa é gorda:
É importante não utilizar aumentativos como “amigão, grande mulher etc”. As vezes a pessoa é sensível e chora facilmente, ainda mais se a comida acabar rápido. Rsrs

Tirei o Chefe:
Nada de comprar algo acima do valor estipulado, afinal ele ganha mais que você, portanto tem dinheiro. Sem contar que este é o sujeito que lhe chicoteia o ano todo, lembrando desta informação, nada de presentes explosivos, infectantes etc. Compre algo que combine com o hobby do sujeito, chefes geralmente tem um., descubra qual é.

O que falar na hora de descrever o “amigo”:
Não precisa ser especialista para dizer que você deve falar somente características positivas, evitar detalhes físicos e adjetivos pejorativos, como canalha, cretino, idiota, puxa-saco, infiel, corno, brocha etc.
Trocadilhos também devem ser esquecidos, uma vez que, com seu diminuído bom senso, é provável que consiga criar uma situação constrangedora.
Resumindo, quando você for falar, MINTA!

E tem gente que acha isso divertido...fazer o que, né?

Nenhum comentário:

Postar um comentário